Pular para o conteúdo

Mês: maio 2015

“A viagem não acaba nunca. Só os viajantes acabam. E mesmo estes podem prolongar-se em memória, em lembrança, em narrativa. Quando o viajante se sentou na areia da praia e […]

O rei do mar Muitas velas. Muitos remos. Âncora é outro falar… Tempo que naveguei não se pode calcular. Vi as Plêiades. Vejo agora a Estrela Polar. Muitas velas. Muitos […]